Avôhai – Zé Ramalho

Um velho cruza a soleira De botas longas, de barbas longas De ouro o brilho do seu colar Na laje fria onde coarava Sua camisa e seu alforje De caçador Oh meu velho e invisível Avôhai Oh meu velho e in…